Amarra ó Tejo

Costuma-se dizer que Almada é o lado certo… e por momentos confirmo. É de facto um belo lado para se almoçar, desfrutar da bela vista sobre Lisboa e o estuário do Tejo e sonhar acordado com as gaivotas a brincar no vento.

Poesia à  parte… o “Amarra ó Tejo” tem isto tudo, boa comida, principalmente peixe, uma garrafeira bem guarnecida, um serviço 5 estrelas acompanhado de uma simpatia natural muito agradável.

O local ideal se quisermos impressionar alguém, seja um novo parceiro de negócios, um cliente ou uma paixão.

O acesso é confuso, mais por causa das obras do metro em Almada. Fica no dito Castelo, perto da igreja. Talvez se for perguntando lá chegue.

Reserva obrigatória.

R. Henriques Nogueira, 6
2800-100 Almada

Telf. 212 730 621

Facebook

21 comments on “Amarra ó TejoAdd yours →

  1. Boa noite,
    Gostaria de vos dar a minha humilde opinião acerca de um dos restaurantes que anda actualmente de boca em boca…
    Na passada terça-feira fui jantar ao “Amarra o Tejo”. Um espaço encantador! Uma vista deslumbrante sobre Lisboa! Um ambiente acolhedor e sofisticado acompanhado de uma musiquinha suave como pano de fundo…. Delicioso.
    Como é obvio, antes de ir para o restaurante, passei pela net para ver os comentários… Cresceu-me água na boca, e lá fui eu com umas expectativas altissí­mas.
    Não achei fantástico, não adorei, não achei bom, não vou certamente voltar. . . ao restaurante, ao miradouro sem dúvida…
    Começou mal ao abrir a porta do restaurante. A empregada dirigiu-se a nós perguntando em que nome estava a reserva e após confirmar pediu-nos para esperar. A mesa não estava posta…. tivemos cerca de 3 – 4 minutos ali na porta à espera.
    Sentamos e outro empregado trouxe a ementa. De seguida, um queijinho de Azeitao e duas manteigas…
    O serviço de jantar era, no mí­nimo, …. curioso. Os pratinhos do pão eram brancos e os pratos da entrada eram de cor creme, de um serviço completamente diferente. Com os copos o cenário era semelhante, mas o mais chocante foi constatar que os pratos da refeição eram diferentes, um branco e o outro com conchinhas e estrelas do mar….
    Em termos de serviço, não gostei mesmo. Os empregados, para além de não estarem uniformizados e usarem calças de ganga e afins, foram sempre muito pouco simpaticos. As técnicas de bem servir não foram minimamente aplicadas, desde retirar o prato das entradas em alturas diferentes a um e a outro, ao retirar dos mesmos antes de terminarmos.
    A escolha do vinho prendou-nos mais uma vez com um mau serviço. Escolhemos o vinho, foi apresentada a garrafa, e de seguida levada para abrir longe do olhar do cliente, onde permaneceu, até depois de terem sido servidos os pratos principais. O vinho para a prova foi servido pelo lado correcto, reposicionou-se e verteu no copo da senhora, tendo depois colocado no meu copo, pelo lado errado, mas mais rápido.
    A comida estava boa. Não muito boa, muito menos deliciosa. Os pratos estavam fartos. A garoupa crocante bem melhor que o filete atlíântico.
    Os empregados teimavam em colocar-se entre nós para retirar os copos e pratos que consideravam correcto retirar, inclusivamente passando bastante perto, havendo a necessidade de nos desviarmos ligeiramente. Mas o que mais achei inconveniente foi ter sido interrompido a meio do jantar para me perguntarem “os senhores comeram o queijo e o pão, correcto?”. Não pela questão em si, mas pela atitude…
    As sobremesas estavam bastante boas…
    Em suma, considero que o espaço é bastante agradável e o local fantástico, mas a comida em si e o pobre serviço estão completamente desfazados e desenquadrados dos preços praticados.

    Sugestão: Coloquem na Ementa “Vista sobre Lisboa – 50Eur “, “Filete Atlântico – 7Eur”, dessa forma os clientes não se sentirão enganados…

    Paulo Lourenço
    02 Abril 2009

  2. Boa noite, confesso que quando procuro um restaurante é normalmente por uma
    razão melhor do que e apenas procurar comer, é por isso que quando procuro a melhor Lampreia vou á tasca do João, quando procuro o melhores pasteis de massa tenrra, vou ao Papa Açorda, o melhor presunto vou ao Ramiro, a melhor
    comida italiana vou ao Gemelli, etc.etc. Mas quando procuro o melhor Raia, os melhores pimentos assados ou a melhor açorda de ovas c/ peixe Galo e juntando a isto a mais bela vista sobre Lisboa vou ao Amarra í² Tejo e confesso que nunca me senti defraudado, nem com a simpatia dos empregados, nem com a comida, nem com a temperatura a que me servem os vinhos, o serviço é um pouco demorado ás vezes, mas se vou para jantar,gozar a vista e namorar, ao resto dou a importancia que tem (nenhuma), em suma ó Amarra ao Tejo vou para disfrutar.

  3. Tenta disfrutar um dia de temporal no dito miradouro, para que Ás sete da tarde, sentadinhos a jantar, vos digam “temos muita pena mas a cozinha ainda não abriu.” Voltem mais tarde”. Ou nunca mais. Devolvam-me a merda dquele espaço que nos foi roubado.

  4. Boa noite vou dar a minha opinião sobre o restaurante do qual ouvia falar nao gostei da comida não achei nada de especial e achei o valor de cada prato muito caro, o que valeu foi a vista por isso para a proxima subo para avistar Lisboa ,mas sem pagar.

  5. Caros amigos: Elisabete e Almada

    De facto quem não sabe o que é boa comida, qualidade de serviço e charme é que pode dizer mal do restaurante em causa!!!!!

    É LAMENTíVEL LER OS VOSSOS COMENTíRIOS.

    Não acrescentam nada apenas tentam dizer mal de um tipo de cozinha diferente.

    Temos pena. Mas de facto voçês não devem ser do tipo de clientes que sabe apreciar o que é bom.

  6. quero aqui deixar os meus parabéns ao AMARRA AO TEJO
    jantei lá este sábado com o meu marido, e além da boa companhia 🙂 devo dizer que a vista é fantástica e o espaço muito acolhedor e com muito bom gosto.
    Lembrarei eternamente aquele maravilhoso Pato com rissoto de chouriço…uma obra de arte
    a todos os que fazem parte da equipa, os meus parabéns.Quanto ao local onde está, acho fantástico, certamente nunca iria ao castelo de almada, e este foi um bom motivo para ir e sempre que puder, voltar!
    parabéns

  7. ok, voltei la hoje depois de alguns meses de ausencia. estive a almoçar por la e posso diver que a refeiçao foi divinal… mesmo muito bom. recomendo vivamente. Apenas uma ressalva, para quem é apreciador de vinhos, a carta deixa um pouco a desejar… mas ok, 5 estrelas.

  8. No meu entender para 5 estrelas deveria ter presente um escanção e todo um conjunto de prácticas inexistentes neste restaurante. Vista 5 estrelas concordo mas o serviço no máximo 4. Não que seja mau mas de facto este espaço privilegiado merecia serviço a condizer! Não fosse pela vista e teria de concordar que é extremamente caro!

  9. Creio que a vista não compensam a mediocridade do serviço e de alguns pratos. Já ali tive refeições muito agradáveis, mas há pormenores que faltam e nem tudo pode justificar o preço excessivo. Existe falta de cultura de formação na arte de bem receber e servir no nosso paí­s, pois achamos que é gastar dinheiro. Como diz, e bem, o Joaquim Soares, não é só pela comida, mas pela experiência e nesse ponto, o serviço pecou algumas vezes por ser um pouco rafeiro, ao ní­vel da tasca da tia teta, em cacilhas. Apesar de tudo, se tiver a carteira gorda e não souber o que fazer para tirar de lá umas notas, recomenda-se pela experiência positiva que se consegue ter caso tenha a sorte de ser atendido por alguns, dos poucos, empregados de ní­vel. Bom sucesso!

    1. Infelizmente é o que mais temos em Portugal, é espaços onde a qualidade do serviço é inversamente proporcional à beleza do sitio, das vistas, do espaço, e etc.

      Ver estes sitios mal explorados, sem oferta adequada, com mau atendimento ou baixo ní­veis de serviço é uma dor. Ainda para mais num paí­s que vive do turismo e que devia ser exemplo de excelência para o mundo. Se já assim facturam muito, imaginem só se o fizessem bem-feito.

  10. Primeira visita ao Amarra o Tejo (e não o atira-te ao Tejo, pelo qual é muitas vezes confundido).

    Estando bastante apreensivo após ter lido aqui os vários comentários (especialmente pelo suposto mau serviço) fiquei alegremente surpreendido. O ambiente é calmo e a parede envidraçada com vista sobre as luzes de Lisboa torna difí­cil a descrição do ambiente.

    O serviço foi bom, correcto e simpático.
    Os pratos são bons e bem apresentados e com um preço que não me pareceu de todo excessivo para o Restaurante e para o local (40€/pessoa com entrada, vinho e sobremesa).

    Quem procura um Restaurante de super-luxo com ambiente memorável e Serviço irrepreensí­vel deve certamente optar pelo Cipriani em Lisboa (e terá também um preço a condizer).

    O Amarra o Tejo é sem dúvida uma boa escolha para todas as ocasiões (especialmente para um jantar a 2) com boa comida, boa apresentação, excelente ambiente e (pelo menos no dia em que fui) um bom serviço.
    Sem dúvida uma boa escolha!

  11. Quando coloquei este restaurante aqui no site, ainda o dono era vivo e fazia questão de nos mostrar o peixe que achava que deví­amos comer e outras atenções que nos faziam sentir especiais. Aliado à vista, assim como à companhia, era uma noite “cheia”.

    Não é um sitio para ir com pressa e reparar nos pormenores técnicos de bem servir à mesa. É para namorar ou jantar com um grupo intimo de amigos.

  12. Optima escolha.

    Quando pesquisei a uns meses este restaurante a uns meses fiquei com receio, pois existiam algumas criticas menos positivas e outras menos construtivas.

    Mas afinal os meus medos passaram, o espaço é magnifico, a comida é optima!

    É sim um espaço para ir com uma excelente companhia, com tempo, saborear a vista com um optimo vinho e boa comida.
    Recomendo!

  13. Começo por dizer que a minha curiosidade pelo Amarra ó Tejo teve origem após uma conversa com um amigo que já o frequentou. A opinião que me transmitiu foi que é um dos melhores restaurantes que conhece e que a vista sobre o Tejo e Lisboa, é soberba. As referências feitas quanto ao serviço, ficaram-se pelo bom. Claro que fiquei com vontade de conhecer e quando finalmente me preparava para tal, fiz aquilo que hoje em dia é o mais atual e eficiente ou seja, tentei encontrar o site do Restaurante na internet para mais informações. Não encontrei porque não existe. Não se percebe como um restaurante tão divulgado não tenha para consulta, um site onde as pessoas interessadas possam inferir informações detalhadas e imagens do restaurante. Não acredito que seja por snobismo, querendo dar a entender que já lhes chega o número de clientes que têm. Esquecimento? Não acredito também.
    A falta de informação própria a juntar a algumas criticas aqui deixadas por clientes, deixou-me bastante indeciso. O provérbio diz que “os olhos também comem” e é verdade. Vou passando por aqui e procurando noutros sites, o que se vai dizendo sobre o Amarra Ó Tejo para ver se deixo a minha indecisão.
    PS: Se entretanto foi criado um site para o restaurante ou se algo vos apraz dizer-me, agradeço que me informem para o email que indiquei. Obrigado

  14. Tive o prazer de visitar o Amarra ó Tejo num domingo soalheiro de inverno. Sendo de Lisboa, raramente me aventuro para o outro lado da ponte para uma refeição. Fiquei agradavelmente impressionada com a vista privilegiada que este espaço dispõe. É raro ter a percepção da frente ribeirinha lisboeta deste ponto de vista.
    O Amarra ó Tejo situa-se no topo do castelo de Almada, num miradouro muito convidativo, é um espaço que vive da vista. O seu interior é agradável embora não seja nada de transcendente (desenho simples e de linhas direitas, obedecendo à regra geral dos vários bares e esplanadas que se plantam à beira Tejo) mas ganha pelo grande envidraçado virado para o rio.

    O preço geral de uma refeição no Amarra ó Tejo ronda facilmente os 40 euros por pessoa, o que eleva de forma considerável as expectativas do visitante. O serviço está um pouco aquém de um restaurante daquele calibre, no entanto, os pratos (pelo menos aqueles que tive oportunidade de experimentar, encontram-se muito bem confeccionados.

    Para entrada foi pedido um “polvo à galega” (12 euros), muito tenro e bem condimentado com pimentão e flor de sal.
    Os pratos principais foram a “vieira sauté com risotto de espargo e tomate seco” (cerca, de 22 euros; dose um pouco reduzida mas suficiente; as vieiras e o risotto muito bem confeccionados, faltando no entanto, um pouco de tempero ao prato) e ainda o “bife chalotês com molho de fois gras acompanhado de batatinhas assadas”, muito bom (se não me engano o preço também rondava os 22euros).

    Os vinhos rondavam todos os 16/20 euros a garrafa, preço, a meu ver, excessivo tendo em conta as opções disponí­veis.

    Sobremesa: um cheesecake de apresentação bastante original e um sorvete de limão, os dois bons mas não excelentes.

    Em suma, gostei muito de conhecer o local e o restaurante, apesar de a conta final ter rondado os 90 euros (!), como li no comentário acima, “os olhos também comem”, é verdade. Aconselho vivamente a visita ao Amarra ó Tejo em dia de sol, para uma refeição intimista, numa mesa próxima daqueles grandes vãos envidraçados que apresentam a vista exuberante da margem norte de Lisboa.

  15. Pingback: Homepage
  16. Tive “oportunidade” de ir a este restaurante a cerca de 2 semanas e na minhã opinião é um misto do que aqui já foi dito. O ponto forte é sem dúvida a vista magnifica para o Tejo e para Lisboa, e como tal recomendo a ida ao jantar para se poder disfrutar do magnifico por-do-Sol!
    Quanto á qualidade da comida, é boa, alguns pratos com nomes “bonitos”, mas parece-me algo exagerada e com alguma falta de tempero.
    As entradas (polvo e alheira) eram muito boas… especialmente a que tinha alheira.
    Quanto ao prato não deslumbrou… Estou habituado a comida com pouco tempero, mas os legumes que comi precisavam de algo mais!
    As sobremesas eram boas mas não recomendo os pastelinhos que tanto misterio quiseram criar em torno (faz parte do menu a concurso em Almada)… massa folhada (ou algo do genero) com gelado nao me parece fora do normal.
    Já agora para referir que o serviço de mesa não é nada de especial: servem do lado que calha, foi necessário chamar o empregado para colocar mais azeite momento antes das entradas, esquceu-se do pedido para pagamento (só atendeu ao 2º pedido)
    Em suma: é um sitio muito bom para ir com tempo e €€ mas não me parece que seja para repetir, tendo em conta outros lugares similares!

  17. Fui neste fds ao Amarra ó Tejo e realmente a vista não compensa o preço, o serviço e os pratos.

    Só existem 3 pratos de carne na ementa, e 1 deles já não havia…

    As entradas são boas (queijo cabra c/ massa filó), os pratos nada de especial…

    1 pão quadrado minúsculo = 2.5€ ridiculo

    Sentámo-nos e tivemos cerca de 15min à espera da ementa… aos 10min de espera fiz sinal à empregada e respondeu-me de forma bruta e arrogante( o restaurante ficou logo apresentado)

    A NÃO REPETIR e não irei recomendar…

Deixar uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *